Blog

Confira nosso blog.

A maioria das picadas de mosquito são inofensivas (e dão uma comichão) e se curam por conta própria. Às vezes, porém, uma picada pode causar reações alérgicas ou, até mesmo, uma doença grave.

Quando cientistas, biólogos e técnicos do Ministério do Meio Ambiente se reuniram em 2003 para apresentar a lista de espécies ameaçadas de extinção do Brasil, eles tinham algumas notícias ruins. Uma das más notícias era a certeza de que sete espécies tinham desaparecido para sempre do planeta. Estavam extintas. Entre elas, uma formiga minúscula e pouco conhecida de Ilhéus, na Bahia. Batizada de Simopelta minima, a pequena formiga não era mais vista desde 1989, e o habitat onde fora encontrada tinha sido destruído. Era o primeiro caso de uma formiga extinta pela ação humana. 

Quão desagradável é estar em um local onde as pragas urbanas estão por toda a parte! Além de ser constrangedor, as pragas trazem muitas doenças. Quando estamos em um ambiente em que as pragas urbanas estão presentes, a empresa é vista como anti-higiênica e duvidosa sobre a qualidade de seus produtos ou serviços que são oferecidos aos consumidores.

Cientistas sequenciaram o genoma completo da mosca comum e afirmam que as descobertas podem ajudar a descobrir novos tratamentos para doenças que afligem os humanos. A mosca pode carregar cerca de cem doenças, incluindo problemas que levam à cegueira.

A dengue pode ser transmitida por duas espécies de mosquitos (Aëdes aegypti e Aëdes albopictus), que picam durante o dia e a noite, ao contrário do mosquito comum, que pica durante a noite. Os transmissores de dengue, principalmente oAëdes aegypti, proliferam-se dentro ou nas proximidades de habitações (casas, apartamentos, hotéis), em recipientes onde se acumula água limpa (vasos de plantas, pneus velhos, cisternas etc.).

Uma experiência científica realizada pela Universidade de Washington, nos Estados Unidos, concluiu que as chamadas moscas-das-frutas são capazes de mudar o curso de seus voos em breve frações de segundos, de modo semelhante à mudança súbita de trajetória que é feita por caças militares.

Uma nova pesquisa conduzida por cientistas americanos descobriu que a falta de sexo prejudica a saúde e causa a morte prematura das moscas de fruta. Os pesquisadores constataram que as moscas machos que eram estimuladas a copular, mas impedidas de fazê-lo, tinham sua expectativa de vida reduzida em 40%.

A busca por moléculas naturais capazes de combater doenças em seres humanos sempre foi um trabalho "de formiguinha" da ciência, envolvendo a coleta, isolamento e análise de milhares de compostos de plantas, animais e micróbios da natureza, que precisam ser testados, um a um, sobre uma grande variedade de alvos terapêuticos. No caso desse novo projeto de pesquisa, essa expressão ganha sentido literal.

Endereço
Rua Conde do Pinhal, 1534, Centro, São Carlos- SP
Telefone
(16) 3371-3408
Email
imunibem@terra.com.br